Dezembro 2010 archive

CAMACAN: EMPRESÁRIA É ASSASSINADA AO SAIR DE IGREJA

                            Foto: Empresária katia

O assassinato da empresária Kátia Lima dos Santos, 30, foi premeditado e o assassino ficou por quase duas horas à espera da vítima morta ontem à noite, ao sair de um culto na igreja evangélica Assembleia de Deus, em Camacan, no sul da Bahia. O homem alto e magro deflagrou um tiro no ouvido e outro na testa da empresária e dona de rede de supermercados no município.
A vítima estava com dois filhos menores e sua mãe, Arlete de Almeida Lima. Ela contou que a filha havia acabado de entrar no seu Toyota Corolla quando ocorreu o crime.
Arlete conta que viu um homem à sua frente desferindo disparos para cima na presença de vários fiéis da igreja. “Quando olhei para minha filha, ela estava caída sobre o volante do carro”, disse.
Algumas testemunhas que presenciaram o homicídio disseram que o autor dos disparos estava há algum tempo nas imediações da porta da igreja e no término do culto ficou observando  algumas mulheres que saiam do templo. Quando Kátia Lima saiu e entrou no seu veículo , o criminoso se aproximou e fez os disparos.
Kátia Lima era casada com o empresário Edvan Ribeiro há mais de 15 anos,  com quem tinha três filhos menores, de cinco, dez e treze anos de idade.

COMOÇÃO EM ENTERRO DE MENINO VITIMA DE BALA PERDIDA EM FEIRA DE SANTANA

      Foto: enterro do menino,vitima de bala perdida
Foi enterrado na manhã desta segunda-feira, 27, o corpo do garoto Breno Sena Ribeiro, de 9 anos, morto depois de ser atingido no rosto por uma bala perdida no último sábado, 25, na varanda de casa, em Feira de Santana. O velório aconteceu na casa do garoto e o enterro, com a presença de familiares, amigos e vizinhos, no Cemitério São João Batista, sob pedidos de justiça.

“Meu filho era uma criança amável e abençoada por Deus, onde chegava, fazia amigos. Quero ver estes marginais na cadeia, pois tiraram uma parte de mim e de minha família”, falava, entre lágrimas, a mãe do garoto, Marcela de Jesus Sena.

O pai de Breno, Mário Vinicius Santos Ribeiro, conta que estava jogando vídeo game com o filho na casa dos pais, quando ouviu uma discussão na rua e foi até a varanda acompanhado da esposa, Joanita Sabina de Jesus, verificar o que estava ocorrendo. “Meu filho nos acompanhou e não deixei que ficasse na grade, mesmo assim ele ficou abaixado entre as nossas pernas e acabou atingido pelo tiro”, contou.
O garoto foi levado para o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), mas não resistiu aos ferimentos. A bala atingiu o nariz e ficou alojada na cabeça, provocando o derrame cerebral. “Nós não vimos quem atirou, apenas vimos uma pessoa que chegou com a arma em punho, mas não sei se foi ele quem atirou. O que sei é que foram três tiros, o primeiro acertou Breno e os outros dois bateram na parede da casa vizinha”, afirmou o pai do garoto.
Vizinhos de Breno revelaram que a briga foi entre dois moradores do bairro Rocinha e que teria sido motivada por um aparelho celular. Eles dizem que após o garoto ter sido baleado, um dos envolvidos na briga ficou passando de motocicleta pelo local como se nada tivesse acontecido.
“O celular foi roubado e vendido para um dos envolvidos que queria o dinheiro de volta e daí houve discussão, logo depois começou o tiroteio”, informou um morador que, por medo, preferiu não se identificar.

Investigação – Outro vizinho do garoto informou que, no momento em que aconteceu o crime, muitas pessoas estavam na rua, inclusive crianças que jogavam bola. “Esta tragédia poderia ser maior, pois muitos garotos estavam na rua. Estes marginais andam por aí com arma em punho e nada é feito para acabar com isto”, desabafou.

A mãe do garoto diz que só irá sossegar após ver os autores do crime na cadeia. “Eu quero que a justiça seja feita, a justiça de Deus e a justiça dos homens, pois aqui a gente faz e aqui a gente paga”, disse Marcela de Jesus.
O delegado Madson Sampaio, da 2ª Delegacia, informou que está investigando o crime e que é uma questão de dias para chegar aos autores do assassinato. “Vamos começar a ouvir as testemunhas e estamos investigando todas as informações chegadas até o momento, mas é cedo para darmos qualquer informação sobre o crime”, limitou-se a dizer.

CÂMERA MUNICIPAL DE UNA ELEGE NOVO PRESIDENTE

        Foto: Vereadores unenses no dia da sessão
O Vereador em terceiro mandato, Nilton Nogueira, do DEM, foi eleito presidente da Câmara Municipal de Una para o biênio 2011/2012. Ele venceu a atual presidente, vereadora Nara Muniz, que foi candidata à reeleição. Nilton Nogueira foi eleito presidente com 7 votos favoráveis, contra 2 de Nara Muniz. Com ele foram eleitos o vice-presidente Natanael de Góes Santos, 1º secretário Arimar Mota de Santana e 2º secretário, Romualdo Cardoso do Nascimento.

UNA-BA: PREFEITO DEJAIR VAI RESPONDER AÇÃO JUDICIAL POR DESACATO A AUTORIDADE

O prefeito de Una, Dejair Birschner (PP), vai responder a quatro processos após desacatar e agredir verbalmente policiais rodoviários que faziam uma blitz em um trecho da BA-001 no município, no dia 21 de maio deste ano. Birschner teria tentado impedir os policiais de apreender dezenas de motos e carros irregulares que circulavam pela rodovia, além de ter acusado os agentes de receberem propinas. Os veículos pertenceriam a amigos e eleitores do político. O prefeito responderá por obstrução da Justiça, desacato a autoridade, danos morais e difamação. As ações são movidas pelo Ministério Público Estadual e por um sargento que participou da operação, identificado apenas como Agnaldo.

Fonte: Caverão de Itabuna

DILMA ANUNCIA OS NOMES QUE OCUPARAM O SEU MINISTÉRIO

   A Candidata eleita Dilma Rouseff anunciou nesta terca-feira, os nomes que ocuparam os cargos de sua confiança. Confira o ministério de Dilma:

PT
Guido Mantega (Fazenda)
Alozio Mercadante (Ciência e Tecnologia)
Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral)
José Eduardo Cardozo (Justiça)
Antonio Palocci (Casa Civil)
Paulo Bernardo (Comunicações)
Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio)
Miriam Belchior (Planejamento)
Ideli Salvatti (Pesca)
Maria do Rosário (Direitos Humanos)
Fernando Haddad (Educação)
Alexandre Padilha (Saúde)
Luiza Bairros (Igualdade Racial)
Tereza Campelo (Desenvolvimento Social)
Luiz Sérgio (Secretaria de Relações Institucionais)
Iriny Lopes (Secretaria das Mulheres)
Afonso Florence (Desenvolvimento Agrário)
PMDB
Wagner Rossi (Agricultura)
Pedro Novais (Turismo)
Garibaldi Alves (Previdência)
Edson Lobão (Minas e Energia)
Moreira Franco (Secretaria de Assuntos Estratégicos)
Nelson Jobim (Defesa) – Cota pessoal
PR
Alfredo Nascimento (Transportes)
PDT
Carlos Lupi (Trabalho)
PP
Mário Negromonte (Cidades)
PC do B
Orlando Silva (Esporte)
PSB
Fernando Bezerra Coelho (Integração Nacional)
Leônidas Cristiano (Portos)

                  

NOS PÊNALTIS, PORTO SEGURO FATURA CAMPEONATO INTERMUNICIPAL

A seleção de Porto Seguro conquistou seu primeiro título intermunicipal ao vencer Conceição do Coité nos pênaltis, após empate por 1 a 1 no tempo normal. A partida foi realizada na tarde deste domingo, no Estádio Toca do Guaiamum, em Porto Seguro.Com o título, Porto Seguro quebra uma hegemonia de cinco anos da região sisaleira baiana, já que a seleção coiteense venceu as edições de 2005 a 2008. 

Ano passado, a seleção de Serrinha faturou o título.Após um primeiro tempo equilibrado, a seleção de Porto Seguro voltou melhor e abriu o placar aos 4 minutos. O zagueiro Gil aproveitou rebote do goleiro Márcio Greike e mandou a bola para o fundo das redes da equipe visitante.

A seleção de Conceição do Coité não se abateu e empatou a partida aos 11′. Nego aproveitou bobeira da defesa anfitriã e, depois do atacante Pim cabecear a bola na trave, igualou o marcador na Toca do Guaiamum. No entanto, a partida voltou a ficar equilibrada até o apito final do árbitro.

Como a primeira partida, disputada na cidade de Conceição do Coité, terminou empatada por 0 a 0, o confronto na terra do descobrimento foi decidida nas penalidades máximas. Mais eficiente, Porto Seguro converteu todas as suas cobranças, venceu por 3 a 0 e levantou a taça pela primeira vez na hitória.

DILMA ROUSSEFF É DIPLOMADA E HOMENAGEADA EM FESTA

                        Foto: Dilma sendo diplomada.

   Pela primeira vez, uma mulher foi diplomada presidente da República no Brasil. Ao final do discurso, Dilma foi aplaudida de pé, e cumprimentada por autoridades, futuros ministros, amigos, pela mãe e pela filha.
No Tribunal Superior Eleitoral, foi estendido o tapete vermelho. Os jornalistas foram acomodados do lado de fora. No plenário, apenas autoridades e convidados. Pela primeira vez, uma mulher foi diplomada presidente da República no Brasil.
“É o derradeiro e quiçá mais significativo ato do processo eleitoral”, afirma Ricardo Lewandowski, presidente do TSE.
Dilma fez um discurso curto. Disse que ousadia e esperança, que elegeram um presidente trabalhador, também levaram uma mulher ao cargo mais importante do país. “Foi esse mesmo sentimento de avanço que fez o povo eleger agora uma mulher”, afirmou a presidente eleita.
Dilma ressaltou a responsabilidade de suceder o presidente Lula. Prometeu defender a liberdade de imprensa e de culto e disse receber o diploma com humildade e alegria. “Honrar as mulheres, cuidar dos mais frágeis e governar para todos é o que me anima e estimula ao trabalho nos próximos anos”, disse.
Ao final do discurso, Dilma foi aplaudida de pé, e cumprimentada por autoridades, futuros ministros, amigos, pela mãe e pela filha. A presidente está diplomada, mas o Ministério ainda não está concluído. Termina quando? “A presidente eleita anunciará oportunamente”, disse José Eduardo Cardozo, futuro ministro da Justiça.
Depois da diplomação, a presidente eleita foi para o Palácio do Itamaraty, onde foi homenageada pelo presidente Lula com um coquetel oferecido para 800 pessoas.
Dilma chegou acompanhada pelo vice, a mulher dele, pelo presidente Lula e dona Marisa. Os jornalistas insistiram por uma palavrinha. Lula disse que não. Jogou a responsabilidade para Dilma, que também não falou. Quem deu a palavra final foi dona Marisa. “Quando ele tá comigo, ele não fala”, afirmou.